COIMBRA,27 de Novembro de 2021

Obras da Via Central receberam visita da Câmara, CCDRC e Metro Mondego

2 de Março 2021 Rádio Regional do Centro: Obras da Via Central receberam visita da Câmara, CCDRC e Metro Mondego

O trabalho em curso para a abertura da Via Central, na Baixa de Coimbra, recebeu, na segunda-feira (01), a visita de membros da Câmara, CCDRC e Metro Mondego.

Manuel Machado, presidente da Câmara Municipal (CM) de Coimbra, Isabel Damasceno, presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC), João Marrana, Eduardo Barata e Paula Pêgo, membros do Conselho de Administração da Metro Mondego e Carlos Cidade e Regina Bento, vereadores da autarquia, deslocaram-se até ao local para verificar o estado da empreitada.

A obra de abertura da Via Central, que vai permitir a ligação do Metrobus entre a frente do rio Mondego e a Rua da Sofia, através da Linha do Hospital do Sistema de Mobilidade do Mondego (SMM), está a decorrer a bom ritmo.

Trata-se de um investimento de 3,5 milhões de euros, com um prazo de execução de 23 meses, e que se iniciou em Setembro do ano passado. A empreitada integra a reconstrução de vários imóveis e a construção do edifício-ponte, da autoria do arquiteto Gonçalo Byrne, e vai reabilitar uma área urbana degradada, contribuindo para a melhoria e requalificação de uma zona de protecção do bem classificado pela UNESCO como Património Mundial da Humanidade.

A Linha do Hospital, em que esta empreitada se insere, faz a ligação do coração da cidade de Coimbra e da Linha da Lousã à zona de Celas, onde se localiza um importante complexo de saúde (CHUC, IPO, Hospital Pediátrico), duas Faculdades (Medicina e Farmácia), bem como vários institutos de investigação e outros equipamentos de importância estratégica para a cidade e para a região. O projecto de execução foi aprovado na reunião do executivo municipal de 22 de Fevereiro.

A implementação do SMM, numa extensão total de 42 quilómetros, já tem outras empreitadas em curso, desde logo trabalhos de reforço dos pilares da Ponte da Portela, onde vai passar o troço Serpins/Alto de S. João, que também já está com a obra em curso.

Recorde-se que em Janeiro o Governo e a comissária europeia Elisa Ferreira anunciaram que a Comissão Europeia aprovou a contribuição financeira de 60 milhões de euros, num total do montante de investimento elegível de mais de 89 milhões de euros, para avançar com as obras e concursos do SMM.

A visita incluiu ainda passagem pela sede da Metro Mondego, pela obra de requalificação da Praça do Comércio e das ruas Direita e da Nogueira.

Jornal Campeão das Províncias

GRUPO MEDIA CENTRO  |  SOBRE NÓS  |  ESTATUTO EDITORIAL  |  CONTACTOS

AS NOSSAS RÁDIOS

 

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Powered by Digital RM