COIMBRA,18 de Setembro de 2021

Figueira da Foz: Pedro Machado defende recuperação do comércio e do turismo

26 de Agosto 2021 Rádio Regional do Centro: Figueira da Foz: Pedro Machado defende recuperação do comércio e do turismo

O candidato do PSD à presidência da Câmara da Figueira da Foz, Pedro Machado, anunciou a criação de um programa/projecto para ajudar o pequeno comércio e o turismo, para “fazer face a este período crítico que estão a passar”.

“Desenvolvemos um programa de recuperação para o comércio local e turismo para que nos próximos dois anos sejamos capazes de injectar tesouraria, para que os nossos comércios se possam aguentar num período tão crítico como este que estamos a viver”, disse Pedro Machado durante a sessão pública de apresentação da candidatura à Junta de Freguesia de Buarcos e São Julião.

Na sessão, realizada quarta-feira na Praça 8 de Maio, Pedro Machado lembrou o papel de proximidade que as Juntas têm com os cidadãos, ao nível do desenvolvimento, do atendimento, e do aconselhamento.

O candidato da “Figueira do Futuro” quer “reforçar o papel do presidente de Junta, da sua equipa, reforçar os meios financeiros para que posam, de forma mais célere e mais eficaz, resolverem problemas concretos dos seus cidadãos, dos seus territórios”.

Estaremos atentos à dignidade encoberta e envergonhada, que clama solidariedade de quem, por exemplo, sente vergonha de ter de preencher um papel para tomar banho num balneário público”, destacou Carlos Moço, cabeça de lista da “Figueira do Futuro” (PSD) à Junta de Freguesia de Buarcos e São Julião, durante a sessão de apresentação da sua candidatura.

Carlos Moço defende que a “acção de uma Junta de Freguesia é feita todos os dias do ano e com todos os cidadãos”, característica esta que “está assim representada na sua equipa, uma equipa composta por diversas pessoas com experiência profissional e jovens que garantem o futuro da causa pública e da Figueira do Futuro”.

Porque os problemas sociais e de emergência não acontecem só das 9h00 às 17h00”, umas das premissas desta Junta de Freguesia passa por “ter um serviço de atendimento ao público rápido, simplificado e evitando deslocações dos cidadãos”, explica.

Entre outras medidas, Carlos Moço aponta como prioritária a modernização das Juntas, sem nunca esquecer que as “dúvidas das pessoas têm de ser esclarecidas e o hábito de responder ao cidadão tem de ser efectivo”.

Ter e manter a “Casa Limpa” é, para esta equipa, essencial. Assim, para além do “alindamento da cidade e recuperação da imagem cuidada e zelada”, Carlos Moço afirma ser urgente “pôr fim à política de perseguição ao verde e ao abate de árvores”.

Precisamos de encarar os jardins e zonas verdes como espaços interditos à continuação de políticas de devaneio e hostilização ao ambiente”, destaca.

Sendo a Freguesia de Buarcos e São Julião a maior do concelho em população e área urbana, apoiar passa a ser uma acção diária e dirigida a várias áreas tais como social, associativismo ou educação. Carlos Moço defende “uma Junta Freguesia proactiva, mesmo que as suas competências não sejam dela, em que a proximidade do cidadão dá-lhe o poder de exigir em nome dele”.

Também a candidatura à Assembleia Municipal esteve representada nesta sessão, na qual Teotónio Cavaco lembrou os 57,3 por cento de eleitores que há quatro anos se abstiveram. “Acredito que hoje, em 2021, com o projecto da Figueira do Futuro não há razão para que no dia 26 de Setembro os cidadãos fiquem em casa”, disse, apelando assim para que os cidadãos exerçam o seu direito de voto.

Jornal Campeão das Províncias

GRUPO MEDIA CENTRO  |  SOBRE NÓS  |  ESTATUTO EDITORIAL  |  CONTACTOS

AS NOSSAS RÁDIOS

 

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Powered by Digital RM