COIMBRA,18 de Julho de 2024

Coimbra vai aderir à Rede Nacional de Equipas de Rua

3 de Julho 2023 Rádio Regional do Centro: Coimbra vai aderir à Rede Nacional de Equipas de Rua

A proposta de adesão do Município de Coimbra à Rede Nacional de Equipas de Rua vai ser apreciada, esta segunda-feira, na reunião do Executivo camarário.

A Rede Nacional de Equipas de Rua, formalizada em Junho de 2023, visa melhorar o serviço prestado pelos equipamentos sociais com intervenção a população em situação de sem-abrigo, facilitando a partilha de informação, a troca de experiências, bem como contribuir para a criação de “novas políticas, respostas e metodologias sociais direccionadas para a população alvo da intervenção das Equipas de Rua, a nível nacional”, e definir prioridades e estratégias globais comuns ao trabalho de rua, detalha a informação dos serviços municipais.

Nesse sentido, o Município de Coimbra vai aderir a esta rede pois a parceria e o trabalho em rede entre as equipas de rua, a nível nacional, “proporcionará assim uma melhoria significativa dos serviços prestados à população acompanhada e potenciará a articulação técnica, a definição e aperfeiçoamento de metodologias comuns”.

Uma Equipa de Rua é uma “resposta social, desenvolvida através de um serviço prestado por equipa multidisciplinar, que estabelece uma abordagem com as pessoas em situação de sem abrigo, visando melhorar as condições de vida desta população que não se desloca aos serviços”, pode ler-se na informação técnica que sustenta a proposta.

Em Coimbra, e de acordo com o último levantamento efectuado (Dezembro de 2022), estavam sinalizadas, pelas diversas instituições, 242 pessoas em situação de sem-abrigo, das quais 93 se encontravam na condição de sem tecto.

Os objectivos das equipas de rua passam por ir ao encontro das pessoas em situação de sem-abrigo, visando estabelecer uma relação pessoal e melhorar as suas condições de vida, prestar apoio a nível da alimentação e tratamento de roupas, apoio psicológico e social, tendo em vista a superação das dificuldades e motivar para a inserção. As equipas de rua que intervêm no concelho de Coimbra constituem-se como uma resposta de primeira linha, para as pessoas em situação de sem-abrigo.

As equipas de rua efectuam giros diurnos e nocturnos, percorrendo os espaços públicos da cidade e asseguram que as pessoas que se encontram em situação de sem-abrigo recebem um reforço alimentar, são encaminhadas para os serviços/equipamentos adequados à problemática que apresentam (saúde, acolhimento, acção social e/ou outro), recebem apoio psicossocial, tenham acesso a agasalhos e cobertores/sacos-cama.

São constituídas por um técnico e por um conjunto de pessoas voluntárias que reforçam as equipas ao nível dos recursos humanos, pertencentes às instituições que integram o NPISA/C e que, antecipadamente, se organizaram de forma a dar cobertura a todos os dias da semana. Actualmente, no concelho de Coimbra, intervêm as seguintes equipas de rua: Associação Integrar (Equipa de Apoio Social Directo), Associação Nacional de Apoio a Jovens (Equipa de Intervenção Directa Raiz), Câmara de Coimbra (Equipa Móvel de Intervenção Social), Cáritas Diocesana de Coimbra (Equipa Reduz) e Cruz Vermelha Portuguesa.

Fonte: Campeão das Províncias

GRUPO MEDIA CENTRO  |  SOBRE NÓS  |  ESTATUTO EDITORIAL  |  CONTACTOS

AS NOSSAS RÁDIOS

 

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Powered by Digital RM