COIMBRA,4 de Agosto de 2021

“Música n’Aldeia” termina este fim-de-semana com balanço positivo

22 de Julho 2021 Rádio Regional do Centro: “Música n’Aldeia” termina este fim-de-semana com  balanço positivo

O projeto “Música n’Aldeia” soma já um total de 19 concertos, que decorreram em igrejas das diversas freguesias do concelho de Coimbra. O ciclo encerra este fim de semana, no domingo (25), com um concerto de música contemporânea protagonizado pelo grupo Queer Able In/Stabilities, que irá decorrer, pelas 17h00, no auditório do Conservatório de Música de Coimbra. Antes disso, ainda estão marcados mais dois concertos de música contemporânea. Amanhã (23), pelas 19h00, o concerto será protagonizado pelo grupo Ançãmble, na igreja paroquial de Antuzede. E no sábado (24), pelas 19h00, o concerto será interpretado pelo grupo A Raiz de Um Povo, na igreja matriz de Brasfemes.

A iniciativa surgiu no âmbito de uma proposta vencedora da 3.ª edição do Orçamento Participativo do Município de Coimbra, da autoria de Diana Luís Antunes, professora de música e violetista, e integra quatro ciclos musicais – música renascentista, barroca, clássico romântica e contemporânea –, a participação de centenas de músicos, a execução de inúmeras peças e instrumentos musicais, desde a harpa, violino ou violoncelo, passando pelo piano, viola, contrabaixo ou instrumentos de sopro, sem esquecer a atuação de grupos corais.

O projeto “Música n’Aldeia” trouxe, assim, uma programação eclética e bastante relevante, não só pela dimensão e importância musical, mas também pelo carácter descentralizador, assente na importante missão de fazer chegar este tipo de programação a uma franja da população que, habitualmente, não tem o mesmo acesso a este tipo de eventos do que as populações dos centros urbanos. Esta foi, assim, viagem pela história da música, mas também pelo património de Coimbra, sobretudo aquele que é menos conhecido, mas não menos importante.

Recorde-se que a 3.ª edição do Orçamento Participativo do Município de Coimbra teve como tema “Coimbra 2027: candidatura a Capital Europeia da Cultura” e o objectivo foi envolver ativamente a comunidade neste processo de candidatura. Esta edição recebeu 35 propostas candidatas, das quais 17 viram os seus projectos submetidos a votação. Foram registados 2929 votos, que elegeram os sete projetos vencedores, que vão representar um investimento municipal de 479.000 euros.

Atuar e desenvolver projetos para protagonizarem as “Correntes de Mudança” – que é o lema da candidatura de Coimbra 2027 -, contribuindo para dinamizar, transformar e animar a cidade, quer pela realização de eventos localizados no tempo, quer pela criação de obras perenes foi o objectivo que esteve subjacente a esta edição do OP.

GRUPO MEDIA CENTRO  |  SOBRE NÓS  |  ESTATUTO EDITORIAL  |  CONTACTOS

AS NOSSAS RÁDIOS

 

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Powered by Digital RM