COIMBRA,27 de Novembro de 2021

ETP Sicó quer assumir-se como “centro estratégico de formação”

7 de Maio 2019 Rádio Regional do Centro: ETP Sicó quer assumir-se como “centro estratégico de formação”

A ETP Sicó pretende “assumir-se cada vez mais como um centro estratégico de formação no contexto local e regional”, com vista à “consolidação financeira da entidade”. Não obstante, “os cursos profissionais financiados por fundos comunitários continuam a ser o core business da actividade da escola”, assegurou o director-geral da instituição.

Na sessão de abertura da Escola CriAtiva – XXII Semana Aberta, que se realizou ontem, Fernando Inácio Medeiros garantiu que a sociedade que dirige tem o “objectivo principal de oferecer uma alternativa qualificante de formação” no âmbito do ensino profissional, mas pretende “continuar a dar resposta a outras necessidades de formação”, assumindo-se “cada vez mais como um centro estratégico de formação no contexto local e regional, nomeadamente ao nível da formação especializada, formação para activos e prestação de serviços ao tecido socioeconómico”.

Esta aposta já foi notória em 2018, ano em que “alcançámos aproximadamente (…) 6.000 formandos através de quase 27.000 horas de formação, com uma execução financeira de praticamente um milhão de euros”.

Por isso, “a rentabilização deste sector é tão ou mais importante para a consolidação financeira da entidade”, considera aquele dirigente, argumentando que a capacidade de gerar resultados positivos é “habitualmente incerta” na execução dos cursos profissionais, pelo que essa “situação tem sido coberta pela prestação de serviços de formação, actividade que tem contribuído para a anulação do referido défice e até para a obtenção e ampliação dos resultados positivos verificados nos últimos anos”.

Neste sentido, a ETP Sicó tem vindo a apostar na “diversificação da actividade” reforçando “permanentemente” os protocolos existentes e estabelecendo novas parcerias, que visam “o desenvolvimento de projectos de investimento, planos de formação e outros projectos de serviços especializados muito ancorados no aproveitamento das várias tipologias de intervenção disponíveis no actual quadro comunitário de apoio Portugal 2020”.

Afinal, “a especificidade do seu funcionamento e a cada vez maior concorrência que o sector da formação profissional enfrenta, exige que a ETP Sicó mantenha esta capacidade de se afirmar no território com criatividade e inovação, conservando a condição de ser considerada uma entidade de referência na sua função de educar, qualificar e formar jovens e adultos, mas também na prestação de outros serviços de formação”, enfatizou Fernando Inácio Medeiros.

“A ETP Sicó demonstra nesta iniciativa que soube afirmar o seu papel no território, mobilizando ao longo do tempo as soluções que o sistema educativo e formativo foi oferecendo”, reconheceu Alexandra Figueiredo, vogal do Conselho Directivo da ANQEP, adiantando que “os resultados evidenciam bem o compromisso desta escola para com as necessidades do seu território”.

Jornal Terras de Sicó

GRUPO MEDIA CENTRO  |  SOBRE NÓS  |  ESTATUTO EDITORIAL  |  CONTACTOS

AS NOSSAS RÁDIOS

 

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Powered by Digital RM