COIMBRA,29 de Setembro de 2021

BUPi da Lousã já afectou cerca de 600 representações gráficas georreferenciadas

13 de Agosto 2021 Rádio Regional do Centro: BUPi da Lousã já afectou cerca de 600 representações gráficas georreferenciadas

O Balcão Único do Prédio (BUPi) da Lousã está em funcionamento desde finais de Abril, tendo já sido efectuados – gratuitamente – cerca de 600 representações gráficas georreferenciadas (RGG’s) de propriedades do concelho.

O Balcão está instalado no edifício sede da Dueceira, na Rua General Humberto Delgado, junto à GNR e ARCIL Cerâmica.

O atendimento é feito de forma presencial e para melhor coordenação do serviço, apela-se aos interessados que façam marcação prévia, através do telefone 239 992 313 ou do email bupi@cm-lousa.pt.

O BUPi é um serviço que permite aos munícipes identificar as suas propriedades, rústicas ou mistas, de uma forma simples e gratuita, quer on-line, directamente na plataforma, quer presencialmente num balcão, com o apoio de técnicos municipais.

O BUPi tem por base um Sistema de Informação Cadastral Simplificado que pretende mapear, entender e valorizar o território, e reunir informação sobre as propriedades e os seus donos, e onde os proprietários podem fazer a georreferenciação dos terrenos.

Para o presidente da Câmara Municipal da Lousã, Luís Antunes, “este serviço é essencial e estratégico para que se possa ter um cadastro actual, nomeadamente dos artigos rurais e florestais, onde se verificam maiores dificuldades na identificação das propriedades e dos proprietários, sendo este um dos principais problemas que as autarquias enfrentam nos últimos anos”.

O autarca destacou ainda que, “através deste serviço, a autarquia pretende contribuir para a protecção e valorização das propriedades dos seus munícipes.”

De destacar que, antes de efectuar o registo dos seus prédios na conservatória, o munícipe deverá identificar os terrenos on-line ou no balcão BUPi Municipal, fazendo-se acompanhar do Cartão de Cidadão e Caderneta Predial com a identificação das matrizes a georreferenciar, ou documento que comprove a sua titularidade.

Sublinha-se que os direitos de propriedade só ficam garantidos com o registo dos artigos na Conservatória do Registo Predial. A inscrição das propriedades nas finanças, não garante, por si só, a segurança e protecção dos direitos de propriedade e titularidade.

Este projecto é financiado no âmbito de uma candidatura supramunicipal apresentada pela Comunidade Intermunicipal (CIM) da Região de Coimbra.

Jornal Campeão das Províncias

GRUPO MEDIA CENTRO  |  SOBRE NÓS  |  ESTATUTO EDITORIAL  |  CONTACTOS

AS NOSSAS RÁDIOS

 

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Powered by Digital RM