COIMBRA,4 de Março de 2024

Autarca de Penela volta a arrasar associação do Índice da Transparência

17 de Abril 2018 Rádio Regional do Centro: Autarca de Penela volta a arrasar associação do Índice da Transparência

O presidente da Câmara de Penela, Luís Matias, mantém as fortes críticas à Associação Cívica Transparência e Integridade, responsável pela elaboração do Índice de Transparência Municipal (ITM), acusando-a de incompetência e de querer notoriedade à custa daquele estudo anual, baseado na análise à informação de interesse público disponibilizada nas páginas da Internet de cada autarquia.

Depois de 2016 ter ocupado o último lugar entre os 308 municípios nacionais, Penela registou no documento de 2017 uma subida de 252 lugares, para a 56.ª posição.

“Esta classificação é a demonstração inequívoca que o trabalho que foi feito no ano passado estava incorrecto e era infundamentado, porque a nossa plataforma de comunicação é exactamente a mesma, não alterámos de forma substancial nenhuma informação que é disponibilizada ou os pressupostos de acessibilidade da mesma”, referiu ao TERRAS DE SICÓ Luís Matias, que já há um ano arrasara aquela associação.

O autarca considera assim que “este ranking apenas procura atribuir alguma notoriedade a uma associação a quem eu não reconheço legitimidade para fazer rankings do que quer que seja, quando se percebe que são incompetentes e que não conseguem fundamentar o posicionamento desse mesmo ranking”.

Nem o facto de Penela ter registado a terceira maior subida da lista conhecida há dias faz o presidente da Câmara abrandar nas críticas. “Não estou satisfeito nem insatisfeito, porque a importância que dou ao ITM, e particularmente ao trabalho da associação que elabora esse Índice, é nenhuma”, atira.

No ITM de 2017, o município penelense obteve 67,31 pontos em 100, conseguindo a terceira maior subida, a seguir a Fornos de Algodres e Castro Marim.

No estudo, Pombal continua a ser o primeiro entre os concelhos das Terras de Sicó, ocupando a 17.ª posição, apesar da descida de 11 lugares, obtendo uma pontuação de 79,12.

Soure subiu 159 lugares, estando agora em 69.º, com 64,56 pontos, seguido de Condeixa, que ocupa a 85.ª posição (61,68), tendo ascendido 105 lugares.

O município de Ansião desceu 73 posições para 109.º, com 58,24 pontos, enquanto Alvaiázere se queda pelo lugar 240, com 35,71, descendo 80 lugares em relação ao ano anterior.

O ITM baseia-se, desde 2013, no levantamento da informação de interesse público disponível nos ‘sites’ dos 308 municípios, segundo 76 indicadores, agrupados em áreas.

Os municípios de Alfândega da Fé e de Vila do Bispo estão empatados no primeiro lugar do Índice ambos com 90,66 pontos.

GRUPO MEDIA CENTRO  |  SOBRE NÓS  |  ESTATUTO EDITORIAL  |  CONTACTOS

AS NOSSAS RÁDIOS

 

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Powered by Digital RM