COIMBRA,20 de Maio de 2022

Abril Dança em Coimbra regressa com intensa actividade no Convento São Francisco e TAGV

24 de Março 2022 Rádio Regional do Centro: Abril Dança em Coimbra regressa com intensa actividade no Convento São Francisco e TAGV

Após dois anos condicionados pela pandemia da COVID-19, o festival Abril Dança em Coimbra regressa com um mês de intensa actividade centralizada no Convento São Francisco e no Teatro Académico de Gil Vicente (TAGV). São mais de uma dezena de espectáculos, residências artísticas, quatro estreias nacionais, duas criações internacionais, duas criações para públicos escolares, workshops e masterclass, além da exibição de quatro filmes comentados, que convocam a dança para primeiro plano.

O festival Abril Dança em Coimbra regressa em força, depois de dois anos condicionados pela pandemia. A edição de 2022 apresenta um mês de Abril de intensa actividade, mais de uma dezena de espectáculos, residências artísticas, quatro estreias nacionais, duas criações internacionais, duas criações para públicos escolares, workshops e masterclass, além da exibição de quatro filmes comentados.

O programa deste ano traz a Coimbra a nova criação da coreógrafa Clara Andermatt, “Pantera”. Numa homenagem ao músico e compositor Orlando Barreto, mais conhecido como Pantera, nascido em 1967, na ilha de Santiago em Cabo-Verde, a nova peça de Andermatt conta com Mayra Andrade como convidada especial. Ainda no âmbito deste festival o Convento São Francisco apresenta a Europa Danse Company, uma companhia de jovens intérpretes, com sede em Bruxelas, entre outras apresentações das mais recentes criações de importantes coreógrafos portugueses.

A programação prevê que o Convento São Francisco acolha também este ano a exposição “Para uma Timeline a Haver”, um projecto contínuo de arquivo e memória da dança em Portugal, que agora passa a inscrever a história da dança na cidade de Coimbra, desde a passagem da Merce Cunningham Dance Company, em 1966, até ao trânsito das gerações fundadoras da Nova Dança em Portugal, na década de 90.

Após a realização de residência artística, o TAGV apresenta em antestreia a nova criação “Portrait of a Dancer as Velvet”, da dupla de Hugo Calhim Cristóvão & Joana von Mayer Trindade, além de “Feedback”, de André Braga e Cláudia Figueiredo. A margem, a identidade e a inquietação geracional marcam os solos fulgurantes “Soulèvement”, de Tatiana Julien – estreia nacional no âmbito da Temporada Portugal/França 2022 – e o solo “Neon 80”, da jovem coreógrafa portuguesa Beatriz Dias. O TAGV propõe ainda um conjunto relevante de documentários e filmes comentados, abordando temas como a relação entre a arquitectura e o corpo (Henrique Pina), a cidade, a cultura e os processos de gentrificação (Maria João Guardão e João Fiadeiro) ou as biografias e trajectos criativos de nomes como Loïe Fuller (1862-1928) ou Olga Roriz.
Organizado pela Universidade de Coimbra/TAGV e CM Coimbra/Convento São Francisco, o Festival Abril Dança em Coimbra teve em 2016 a sua primeira edição conjunta. Esta iniciativa parte de um interesse comum pela dança, reconhecendo o lugar central que esta ocupa na renovação da linguagem das artes performativas ao longo das últimas décadas. Unindo as duas margens da cidade de Coimbra, o festival pretende dar conta do panorama criativo da dança em contexto nacional e internacional, além de promover actividades pedagógicas direccionadas a públicos escolares, numa relação que se pretende aprofundar juntamente com as associações, escolas e academias que na região se dedicam notoriamente ao ensino da dança, nas mais diversas expressões.

GRUPO MEDIA CENTRO  |  SOBRE NÓS  |  ESTATUTO EDITORIAL  |  CONTACTOS

AS NOSSAS RÁDIOS

 

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Powered by Digital RM