COIMBRA,1 de Março de 2024

Serra do Açor reflorestada com 1,1 milhão de árvores até final de 2024

17 de Janeiro 2024 Rádio Regional do Centro: Serra do Açor reflorestada com 1,1 milhão de árvores até final de 2024

O projecto Floresta da Serra do Açor, que tem vindo a deixar raízes sólidas nas encostas de Arganil, inicia o ano de 2024 com uma nova fase de plantações. Ao longo do próximo mês de Fevereiro, e posteriormente a partir de Novembro, serão plantadas aproximadamente 500 mil árvores de diversas espécies, abrangendo uma área total de 427 hectares.

O presidente da Câmara Municipal de Arganil, Luís Paulo Costa, acompanhou de perto os trabalhos de transformação da paisagem que, em 2017, ficou reduzida a cinzas. Desde o início do projecto, em 2020, foram plantadas 800 mil árvores, maioritariamente autóctones e resistentes ao fogo. A previsão é que até ao final de 2024 floresçam 1 milhão e 100 mil árvores, expandindo-se para 1 milhão e 800 mil até ao final de 2025.

O projecto abrange uma área de 2.500 hectares, predominantemente composta por terrenos baldios afectados por incêndios. A gestão inclui também áreas de protecção de linhas de água e de vegetação natural, proporcionando refúgio e alimentação para a fauna silvestre.

As actuais plantações concentram-se em Cepos e Teixeira, abrangendo cerca de 6 hectares onde serão plantados medronheiros, utilizando técnicas de ripagem para optimizar o crescimento das árvores e prevenir a erosão do solo. Noutra parcela de 7.5 hectares, denominada “Alvarinho”, procedeu-se à limpeza de um povoamento de castanheiros que resistiu ao incêndio, promovendo a regeneração natural e a plantação de novos castanheiros.

Além de Cepos e Teixeira, a campanha de plantações incluirá terrenos em Casal Novo, Salgueiro, Luadas, Celavisa e Porto Castanheiro, com o objectivo de criar povoamentos mistos compostos por espécies autóctones e resinosas.

O projecto, que tem como objectivo não só reflorestar, mas também transformar as áreas em espaços multifuncionais e sustentáveis, representa um investimento de 5 milhões de euros, financiado pelo grupo Jerónimo Martins através do mecenato ambiental. Com o envolvimento da comunidade local e o apoio técnico da Escola Superior Agrária de Coimbra, o projecto Floresta da Serra do Açor é uma iniciativa sustentável, que pretende transformar a paisagem e a promoção de actividades económicas futuras na região.

Fonte: Campeão das Províncias

GRUPO MEDIA CENTRO  |  SOBRE NÓS  |  ESTATUTO EDITORIAL  |  CONTACTOS

AS NOSSAS RÁDIOS

 

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Powered by Digital RM