COIMBRA,4 de Março de 2024

Miranda do Corvo inaugura equipamento cultural e educativo que custou 1,5 ME

11 de Agosto 2023 Rádio Regional do Centro: Miranda do Corvo inaugura equipamento cultural e educativo que custou 1,5 ME

O município de Miranda do Corvo, no distrito de Coimbra, investiu 1,5 milhões de euros na Casa Amarela, um equipamento cultural e educativo que vai ser inaugurado no sábado, dia 12.

A Casa Amarela, um antigo edifício senhorial no centro da vila reconvertido pela autarquia, “vai ser uma escola de talentos”, sobretudo na área da música, “um projecto em que a cultura e a educação se abraçam”, disse o presidente da Câmara Municipal, Miguel Baptista.

Em Junho, a Câmara celebrou dois protocolos para a cedência das instalações, junto ao Mercado de Municipal, um com o Grupo Recreativo Mirandense (GRM) e outro com a Escola Artística do Conservatório de Música de Coimbra (CMC) e o Agrupamento de Escolas de Miranda do Corvo.

A autarquia informou que o “novo pólo de dinamização artística” vai ser inaugurado no sábado, às 11h00, durante uma cerimónia em que está prevista a presença do ministro da Educação, João Costa, e do secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Correia.

A Casa Amarela – Escola de Talentos foi reabilitada e adaptada a novas utilizações na sequência de uma candidatura aos Planos de Acção de Regeneração Urbana (PARU), com as obras a serem “financiadas quase na íntegra” pela União Europeia.

“Fizemos este investimento na requalificação de uma zona central da vila” de Miranda do Corvo a partir de “um projecto arquitectónico de excelência”, sublinhou Miguel Baptista à Lusa.

O autarca do PS explicou que foi escolhido o 12 de Agosto para a inauguração oficial do edifício reabilitado por ser “uma data simbólica”, Dia Internacional da Juventude, em que também nasceu o escritor Miguel Torga (2007-1995), que no início da sua carreira de médico, enquanto Adolfo Correia da Rocha, trabalhou e viveu alguns anos no concelho, na freguesia de Vila Nova.

A cedência de instalações “vem consolidar o trabalho relevantíssimo” que o GRM, com a banda filarmónica e uma escola de música, “tem prestado à comunidade”, sendo ainda de realçar a importância de “levar as crianças e jovens de Miranda do Corvo a terem (…) a possibilidade de frequentar ensino artístico de excelência articulado com o ensino regular”, sem deslocações a Coimbra, onde funciona o Conservatório, segundo a nota do município.

Na Casa Amarela, estão “já a decorrer actividades do Grupo Recreativo Mirandense, nomeadamente no âmbito da música”, enquanto a sua utilização como polo do CMC começa em Setembro, no início do ano lectivo.

Entretanto, num dos espaços partilhados, está já montada a exposição “O desejo da urbanidade: Casa Amarela – Escola de Talentos e outros projectos para Miranda do Corvo”, a ser inaugurada também no sábado.

O programa da cerimónia, “carregada de simbolismo”, inclui momentos de música, dança e poesia por elementos do Grupo Recreativo e do Conservatório de Coimbra.

Fonte: Campeão das Províncias

GRUPO MEDIA CENTRO  |  SOBRE NÓS  |  ESTATUTO EDITORIAL  |  CONTACTOS

AS NOSSAS RÁDIOS

 

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Powered by Digital RM