COIMBRA,21 de Fevereiro de 2024

Lugrade reorganiza-se para tentar manter quadro de pessoal após incêndio

28 de Abril 2023 Rádio Regional do Centro: Lugrade reorganiza-se para tentar manter quadro de pessoal após incêndio

A administração da Lugrade garantiu hoje estar a “reorganizar-se internamente de forma a tentar manter todo o seu quadro de pessoal”, na sequência do incêndio que destruiu a unidade do Bacalhau Demolhado Ultracongelado.

“Da destruição e das cinzas renascerá uma nova unidade fabril. A comunidade em geral espera isso da Lugrade. E a Lugrade tudo fará para corresponder”, referiu a empresa, em comunicado.

Inaugurada em 2017 e localizada em Torre de Vilela, a unidade do Bacalhau Demolhado Ultracongelado da Lugrade foi destruída por um incêndio, que deflagrou cerca das 21h00 do dia 20.

No comunicado, a administração referiu que, apesar do “sonho que ruiu”, a “avassaladora onda de solidariedade gerada nestes últimos dias” lhe deu “a força e a certeza de que reerguer esta unidade é imperativo e urgente”.

Segundo a administração, a Lugrade de Taveiro “continua a laboral em pleno produzindo bacalhau salgado seco” e, em breve, irá abrir “uma nova unidade de produção, localizada em Casais do Campo, Coimbra”, que foi projectada para lhe dar apoio.

Para terça-feira, está prevista a visita da ministra da Agricultura a uma unidade da empresa.

A Lugrade destacou “a solidariedade das inúmeras entidades oficiais nacionais e locais, e especialmente do senhor presidente da Câmara Municipal de Coimbra e vereadores que presencialmente disponibilizaram, desde o primeiro minuto, todo o apoio necessário” para que a unidade se consiga reerguer.

Fonte: Campeão das Províncias

GRUPO MEDIA CENTRO  |  SOBRE NÓS  |  ESTATUTO EDITORIAL  |  CONTACTOS

AS NOSSAS RÁDIOS

 

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Powered by Digital RM