COIMBRA,16 de Junho de 2024

Conselho de Veteranos da UC quer manter Cortejo da Queima no domingo

17 de Fevereiro 2023 Rádio Regional do Centro: Conselho de Veteranos da UC quer manter Cortejo da Queima no domingo

O Conselho de Veteranos da Universidade de Coimbra decidiu por larga maioria rejeitar a proposta da Câmara Municipal de Coimbra de alterar a data do dia do Cortejo da Queima das Fitas de domingo para a terça-feira.

Este pedido surgiu devido ao concerto dos Coldplay, que foi aceite pela Câmara para ocorrer no mesmo dia que o Cortejo. Tal evento, de reconhecido renome internacional, trará a Coimbra uma grande afluência de pessoas, o que, em simultâneo com os visitantes esperados para ver o concerto dos Coldplay, traduzir-se-á em transtornos acrescidos para as infra-estruturas da cidade.

Numa primeira reunião de auscultação, onde estiveram presentes a Câmara de Coimbra, a Polícia de Segurança Pública, a Comissão Organizadora da Queima das Fitas e a Universidade de Coimbra, foi transmitido este transtorno e o parecer de que não será plausível para as vias e serviços da cidade que estes eventos ocorram em simultâneo. A solução apresentada foi a da alteração do Cortejo para a terça-feira da mesma semana.

No dia 16 de Fevereiro reuniu-se o Magno Conselho de Veteranos da Universidade de Coimbra que, entre outras deliberações, e tendo em conta os pareceres que foram dados decidiu, por larga maioria, rejeitar a proposta de alteração da Câmara Municipal de Coimbra.

De acordo com o Conselho de Veteranos, “a responsabilidade dos constrangimentos que serão causados pela grande afluência de pessoas, não pode, num exercício intelectual honesto, ser colocada sobre o evento que já está consuetudinariamente estabelecido na cidade de Coimbra em virtude dum outro evento que nos é externo, especialmente quando a data estipulada é uma data extraordinária ao inicialmente previsto. Concedemos que a alteração do dia proporcionaria um dia mais calmo e menos caótico face ao domingo com o concerto, mas penamos pelos colegas e familiares que serão impedidos de estar presentes neste marco simbólico e único da vida de tantos estudantes e das suas famílias”.

O Conselho referiu ainda que “a solução arranjada implica na mesma transtorno para os serviços e estabelecimentos cuja actividade não seja compatível com o Cortejo, a própria Universidade, transportes públicos e população. Transtornos estes que foram a principal razão para que a própria Câmara Municipal alterasse o Cortejo para domingo em 2008”.

Fonte: Campeão das Províncias

GRUPO MEDIA CENTRO  |  SOBRE NÓS  |  ESTATUTO EDITORIAL  |  CONTACTOS

AS NOSSAS RÁDIOS

 

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Powered by Digital RM