COIMBRA,21 de Fevereiro de 2024

Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra adapta território às alterações climáticas

10 de Janeiro 2024 Rádio Regional do Centro: Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra adapta território às alterações climáticas

A Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra (CIM-RC) deu início, neste mês, às primeiras intervenções de adaptação do território às alterações climáticas no âmbito do projecto europeu RESIST (Regions for climate change resilience through Innovation, Science and Technology). As acções iniciais foram realizadas na Área Integrada da Gestão da Paisagem (AIGP) da freguesia de São Miguel de Poiares, no município de Vila Nova de Poiares, com o objectivo de reforçar a resiliência do território contra os incêndios rurais.

A execução das intervenções, abrangendo uma área de aproximadamente 11 hectares, está a cargo da Brigada de Sapadores Florestais da CIM-RC. As acções planeadas incluem o controlo da vegetação, combate a espécies exóticas invasoras, desbaste, poda e plantação de espécies autóctones. A colaboração com o município de Vila Nova de Poiares, o CoLAB ForestWISE e a Comunidade Local de Baldios de São Miguel foram essenciais para a articulação eficaz deste projecto.

Para o ano de 2024, está previsto que as intervenções se estendam a uma área de 63,3 hectares, envolvendo seis municípios: Coimbra, Condeixa-a-Nova, Góis, Mortágua, Tábua e Vila Nova de Poiares.

Ao longo do projecto, até 2027, a CIM-RC planeia intervir em 149 hectares de terreno, abrangendo seis AIGP, oito Condomínios de Aldeia e catorze Municípios: Coimbra, Lousã, Condeixa-a-Nova, Vila Nova de Poiares, Tábua, Penela, Cantanhede, Montemor-o-Velho, Mira, Góis, Soure, Pampilhosa da Serra, Mortágua e Oliveira do Hospital.

O RESIST, financiado pelo Horizonte Europeu da União Europeia, tem como objectivo fortalecer a resiliência do território face aos desafios ambientais emergentes. Numa parceria que envolve 12 regiões europeias, o Centro de Portugal destaca-se como uma das quatro regiões líderes neste projecto de cinco anos.

Na região de Coimbra, as actividades do RESIST concentram-se na melhoria do modelo participativo e de governação das AIGP e dos Condomínios de Aldeia. A meta é beneficiar as estruturas vegetais existentes, reduzindo as cargas de combustíveis para aumentar a resiliência contra os incêndios rurais e, por conseguinte, reforçar a segurança das comunidades e dos seus bens.

As actividades no âmbito do RESIST serão conduzidas pela CIM-RC em colaboração com o CoLAB ForestWISE e a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC), promovendo o envolvimento das populações nas políticas públicas e desenvolver um novo modelo de negócio para a utilização de biomassa em actividades rurais.

Fonte: Campeão das Províncias

GRUPO MEDIA CENTRO  |  SOBRE NÓS  |  ESTATUTO EDITORIAL  |  CONTACTOS

AS NOSSAS RÁDIOS

 

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Powered by Digital RM