COIMBRA,2 de Março de 2024

Coimbra recebe a primeira edição da Feira de Emprego do Centro

11 de Abril 2023 Rádio Regional do Centro: Coimbra recebe a primeira edição da Feira de Emprego do Centro

A cidade de Coimbra vai receber, a 9 de Maio, a primeira edição da Feira de Emprego do Centro, um evento organizado pela Bolsa de Empregabilidade e que tem como objectivo facilitar a contratação na área do Turismo.

A Bolsa de Empregabilidade é o maior evento de empregabilidade nacional nas áreas do Turismo. Ao longo de sete anos de existência, a Bolsa de Empregabilidade já desenvolveu dez edições, entre Lisboa, Porto e Algarve, tendo acelerado o processo de contratação e identificação de talento de milhares de candidatos.

Agora, pela primeira vez, a Bolsa de Empregabilidade irá realizar uma Feira de Emprego no Centro, mais concretamente no Convento São Francisco, contando para tal com o apoio da Turismo Centro de Portugal e da Câmara Municipal de Coimbra.

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas desde já em http://bit.ly/3GzyFQg.

A 1.ª Feira de Emprego no Centro contará com cerca de 50 empresas a identificar talento e a contratar ao longo do dia. Entre estas, estarão algumas das maiores e mais importantes empregadoras regionais e nacionais, que apresentarão as suas vagas de emprego aos candidatos nos mais diversos departamentos, desde a operação e gestão à manutenção, entre outras.

Os candidatos são oriundos de instituições de ensino superior e profissional das áreas de turismo, além de desempregados identificados pelo IEFP, empregados actuais em processo de captação de novos desafios e todos os interessados no desenvolvimento de networking e aproximação do sector.

A conferência de imprensa de apresentação do evento decorreu hoje na sede da AHRESP – Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal, em Lisboa, e contou com a participação de António Marto, presidente da Associação Fórum Turismo e Fundador da Bolsa de Empregabilidade, Carlos Moura, presidente da AHRESP, Ana Paula Pais, directora coordenadora da formação do Turismo de Portugal, e Pedro Machado, presidente da Turismo Centro de Portugal.

Nesta conferência de imprensa foi também assinado um protocolo entre a AHRESP e o Fórum Turismo. Este protocolo prevê que a AHRESP, através da sua própria Bolsa de Emprego, esteja presente em todas as Bolsas de Empregabilidade promovidas pelo Fórum Turismo, aumentando assim os serviços que presta aos seus associados.

Na ocasião, António Marto explicou que “as Bolsas de Empregabilidade são eventos que reúnem duas forças: a força de quem procura trabalho na área do turismo e a força de quem procura identificar talentos neste sector”. Ao longo da sua existência, tem registado um sucesso crescente. “Começou com 20 empresas, em 2016, e evoluiu para 120 empresas”, sublinhou.

Carlos Moura defendeu a importância do evento. “O turismo é hoje uma das principais actividades mundiais, e aquela que reage mais depressa às adversidades. É um pilar da nossa economia, mas é necessário torná-la atractiva para os profissionais. Por isso, fico muito satisfeito por ver eventos como esta Feira do Emprego do Centro, que tem essa capacidade de atrair trabalhadores para o sector”, disse.

Ana Paula Pais prosseguiu com o mesmo raciocínio, lembrando que “o nosso país é rico na autenticidade de experiências que oferece aos visitantes, mas é necessário cativar os profissionais, em especial os jovens, para este sector”. “É preciso mostrar aos jovens que é um sector profundamente gratificante, em que existe uma rápida progressão na carreira. Esta Feira do Emprego, ao colocar empregadores e candidatos frente a frente, é facilitador do aumento desse interesse”, considerou.

Pedro Machado destacou que “um dos factores que distinguem Portugal a nível internacional é a hospitalidade”. “Esse é um dos nossos maiores activos, por isso é tão importante a formação dos recursos humanos. Uma Feira de Emprego como esta é fundamental para mantermos alta a fasquia da qualidade do saber receber, da hospitalidade”, frisou. Além de que, acrescentou, “por acontecer no Centro de Portugal, é uma resposta positiva a outra preocupação, que é a coesão do território, o que leva a Turismo Centro de Portugal a associar-se à iniciativa”. “São os territórios e os seus produtos que fazem de Portugal um dos melhores destinos do mundo”, concluiu.

Espaço dedicado aos empreendedores é um dos destaques da Feira

A sessão de abertura da 1.ª Feira de Emprego no Centro terá a participação do Ministério de Economia, do Ministério da Coesão Territorial, da Secretaria de Estado do Turismo, Comércio e Serviços, do Turismo de Portugal e da Turismo Centro de Portugal.

Inserido na Feira, haverá também um espaço dedicado aos empreendedores, designado por “Fórum Talks”. Aqui, estarão presentes startups e instituições de apoio ao desenvolvimento empreendedor identificadas pela Turismo Centro de Portugal, assim como institutos e organizações de promoção de oportunidades de empregabilidade com foco e especialidades no interior e no Centro de Portugal.

Neste “Fórum Talks”, alguns empreendedores convidados irão apresentar os seus percursos e serão dados a conhecer os apoios disponíveis para os empreendedores no interior e as medidas de fixação da população para estes territórios.

GRUPO MEDIA CENTRO  |  SOBRE NÓS  |  ESTATUTO EDITORIAL  |  CONTACTOS

AS NOSSAS RÁDIOS

 

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Powered by Digital RM