COIMBRA,16 de Abril de 2024

Ansião: Sicó procura apoio no OP Portugal para preservar o património natural

30 de Agosto 2018 Rádio Regional do Centro: Ansião: Sicó procura apoio no OP Portugal para preservar o património natural

Com o objectivo de divulgar junto da comunidade local o património natural existente no Sítio Sicó-Alvaiázere, contribuindo para a sua valorização e preservação, a ansianense Ana Sofia Ferreira candidatou ao Orçamento Participativo de Portugal (OPP) a proposta “Sicó – Património Natural”. O projecto, que prevê ter uma duração de dois anos e um orçamento de 150.000 euros, está a votação até 30 de Setembro em https://opp.gov.pt/proj/677.

Com o número 677, “Sicó – Património Natural” é um “projecto de educação e sensibilização ambiental com área de abrangência nas Terras de Sicó e foco na Rede Natura 2000”, concebido para “divulgar junto da comunidade local o património natural existente no Sítio Sicó-Alvaiázere, contribuindo para a sua valorização e preservação”, explicou ao TERRAS DE SICÓ Ana Sofia Ferreira que, como engenheira na Associação Florestal de Ansião, conhece bem o valor natural do território.

“A ideia não consiste em fazer umas exposições e umas reuniões com os proprietários, isso é o mais fácil”, referiu aquela ansianense, esclarecendo que “o projecto terá dois focos de actuação: um direccionado para a comunidade escolar e outro para a população em geral, onde se incluem os proprietários florestais”. Assim, pretende-se “explicar às crianças e jovens a importância ambiental e o valor natural que existe no território onde habitam, para desde cedo ganharem hábitos de protecção e de valorização do património”.

A população em geral e os proprietários florestais em particular fazem também parte do público-alvo deste projecto. “Há um trabalho direccionado à comunidade em geral, nomeadamente aos proprietários dos terrenos em Rede Natura”, que passa pela consciencialização do “valor ambiental e natural dos seus terrenos”, esclarecendo que “as restrições da Rede Natura não são um entrave, mas algo que contribui para o desenvolvimento do território”. Neste sentido, o projecto “Sicó – Património Natural” visa dar a entender aos proprietários “o valor natural dos seus terrenos, a importância de os preservar e as formas de tentar tirar riqueza desses espaços, adequando as práticas de gestão aos princípios de conservação”.

Para Ana Sofia Ferreira, “é importante criar riqueza nos espaços de conservação e protecção, para que a preservação dos mesmos seja possível e para que os proprietários florestais se sintam motivados a manter essas áreas e a geri-las efectivamente”. Por isso, no âmbito deste projecto, “prevê-se a criação e desenvolvimento de conteúdos sobre o Sítio Sicó-Alvaiázere e o desenvolvimento de projectos de educação e sensibilização ambiental com vista à promoção de valores naturais e a importância da conservação da natureza”.

“Portanto, este é um projecto importantíssimo” que se enquadra na “estratégia de desenvolvimento local”, na medida em que “envolve os recursos naturais” e “consegue trazer os proprietários a entrar neste objectivo de preservar o património natural”, ao mesmo tempo que “faz com que os miúdos, que são os herdeiros deste território, consigam desde cedo perceber o valor de preservar o património natural existente à sua volta”.

CARINA GONÇALVES

GRUPO MEDIA CENTRO  |  SOBRE NÓS  |  ESTATUTO EDITORIAL  |  CONTACTOS

AS NOSSAS RÁDIOS

 

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Powered by Digital RM